fbpx

Merchandising: o que é e 3 técnicas que ajudam a vender mais

Veja como técnicas de merchandising ajudam empresas a vender mais, exemplos e dicas de como fazer.

Merchandising é um assunto que interessa a maioria das empresas. Sobretudo, se estas empresas desenvolvem produtos e promovem ações de marketing.

Além disso, merchandising é um assunto muito recorrente entre profissionais e estudantes das áreas de marketing, trade marketing e vendas. Agência de publicidade e consultorias que buscam formas eficientes para a divulgação de produtos ou serviços.

Em outras palavras: é um assunto cujo entendimento é essencial para marcas que pretendem se destacar no mercado.

Você vai ver no texto abaixo, conceitos que envolvem o merchandising, técnicas que ajudam a vender mais e dicas de como você e sua equipe podem aplicar na sua empresa.

Boa leitura!

O que é merchandising?

Merchandising é um conjunto de técnicas aplicadas ao marketing que tem o objetivo de promover a apresentação e visualização de produtos no ponto de venda.

Estas técnicas possuem o objetivo de gerar ações no ponto de venda a fim de potencializar a rentabilidade do negócio, exibindo produtos no melhor local, da melhor forma, durante o período necessário, pelo melhor preço e na quantidade correta para obter os resultados esperados

Conheça a Gofind e leve soluções inteligentes para clientes do seu portfólio!

Qual é a diferença entre marketing e merchandising?

Marketing e merchandising são conceitos bastante diferentes. A primeira coisa que temos que ter em mente é que o merchandising é apenas uma das diversas possibilidades de realizar ações de marketing.

Contudo, a principal diferença entre os dois está em relação ao cliente. De uma maneira mais fácil de se compreender, podemos dizer que quando falamos de merchandising, estamos falando de técnicas e ações aplicadas no ponto de venda.

Estas ações possuem o objetivo de motivar e influenciar as decisões de compra dos consumidores.

Já quando falamos de marketing, estamos falando de planejamento e execução de ações e campanhas responsáveis por atrair clientes. Seja para ir até a loja, conhecer a marca ou diferenciá-la da concorrência.

Se o marketing e suas ferramentas trazem o shopper até a loja, são as ações de merchandising que transformam essa oportunidade em uma experiência de compra.

Uma das maneiras mais fáceis de diferenciar os dois conceitos é imaginar que o marketing se refere às ações da porta da loja para fora, enquanto o merchandising falando de ações da porta da loja para dentro.

Quais as principais vantagens do merchandising?

Utilizar o merchandising como ferramenta de marketing para vender mais pode trazer diversas vantagens para a sua empresa.

Por isso, separamos alguns pontos positivos e vantagens para você avaliar antes de começar a praticar:

  • Ajuda a destacar produtos no PDV;
  • Diferencia a empresa da concorrência;
  • Chama a atenção dos consumidores;
  • Incentiva o público a comprar;
  • Desenvolve o ambiente ideal para a realização da compra.

Contudo, é importante salientar que as ações de merchandising devem ser sempre acompanhadas de outros fatores, como preço justo e alinhado aos praticados pelo mercado, bom atendimento, produtos de qualidade, publicidade e outros fatores que juntos proporcionam melhores resultados.

5 tipos de merchandising

1. Visual
Uma das coisas mais importantes em qualquer estratégia de marketing é respeitar a identidade visual da sua marca.
Caso contrário, vendas poderão ser perdidas por causa de uma aparência duvidosa, levando o consumidor a acreditar que aquele produto é de má qualidade ou uma imitação do produto original.
Seguindo esta lógica, a mesma regra vale também para o ponto de venda. Preste muita atenção às cores escolhidas, logo da sua marca, tipografia utilizada, qualidade to texto e da embalagem. 
Estes parâmetros servem como base para uma identidade visual forte e também como estímulos para o consumo da sua marca, criando uma conexão sensorial com seu consumidor.

2. Editorial
Um conceito antigo, mas ainda muito utilizado, o merchandising editorial é a forma de exibir marcas e produtos em obras da TV, cinema e outros produções audiovisuais.
Um grande exemplo desta técnica é a famosa bola Wilson, do filme Náufrago. Até hoje é lembrada e referenciada em diversas outras produções.
Também podemos ver exemplos de merchandising editorial em créditos de filmes, seriados e novelas da televisão.

3. Ponto de venda
Esse tipo de merchandising se refere a organização dos produtos na loja, seja  ela física ou digital. O objetivo é tornar a apresentação dos produtos atrativa para o cliente e incentivar que ele interaja ou explore a loja para conhecer e comprar os produtos apresentados.
A ideia por trás desse tipo de ação no ponto de venda é despertar o interesse do cliente de forma atrativa e criativa, transformando o simples ato de comprar em uma experiência inovadora.

4. Varejo ou promoção
O merchandising de varejo busca atrair o cliente apresentando a ele vantagem na compra como, descontos, promoções, brindes, sorteios e amostras grátis.
No varejo físico, algumas marcas e estabelecimentos costumam realizar ações promocionais com promotores oferecendo degustações do produto ou cupons de de sorteio de brindes, caso o cliente efetue a compra. 
Já no digital, empresas costumam oferecer cupons de desconto e clubes de vantagens para seus clientes, personalizando ofertas e permitindo que os usuários da plataforma concorram a prêmios exclusivos.

5. Digital
Existem diversas maneiras de se realizar o merchandising Digital e as empresas precisam estar atentas a todas elas.
Afinal, hoje é praticamente obrigatório realizar ações de marketing digital, independente do tipo de negócio.
As oportunidades são imensas e podem se adequar ao tamanho e verba das empresas. 
Muito provavelmente você já assistiu a um vídeo, no qual um influenciador digital utiliza e recomenda um produto, também já deve ter se deparado com um texto de blog que faz um review completo sobre produtos, marcas e serviços, destacando seus prós e contras.
Redes Sociais também desempenham um papel importante no Digital Merchandising, afinal elas são excelentes vitrines de exibição dos produtos. 
Plataformas como o Google Meu Negócio (GMB), por exemplo, possuem uma solução desenvolvida exclusivamente para empresas, mostrando ao consumidor onde, como e quais produtos ele pode encontrar.

3 técnicas de merchandising que ajudam a vender mais

Não existe fórmula mágica quando se trata de ações para a performance de marketing e vendas, mas existem técnicas e ciência aplicada à arte de potencializar os resultados e atrair mais consumidores.

Veja a seguir 3 tipos de merchandisign  para estudar e medir na sua estratégia:

1. Campaign – Based Merchandising
Baseado na segmentação de usuários de forma pré definida, esta técnica utiliza o cruzamento de dados do perfil do usuário, histórico e ações em comum e considera o comportamento ou interesse similares que as pessoas demonstraram no ponto de venda para criar ações personalizadas e mais assertivas.

2. Contextual Merchandising
Conhecido como merchandising dinâmico. Nele, as informações, promoções ou descontos são customizados através de estudos de perfis pessoais, para disparar uma promoção única para cada cliente.

3. Algorithmic Merchandising
É customizado ou micro segmentado de acordo com algoritmos específicos de comportamento. Nesse caso o anúncio pode ser veiculado para uma única pessoa, enviando promoções com base nas suas ações, compras ou histórico de buscas na internet.

4 boas práticas para um merchandising de sucesso

Tão importante quanto se preocupar com a exibição de produtos no PDV físico, é também a vitrine de produtos em plataformas digitais.Para isso, é necessário utilizar técnicas e boas práticas para realizar um merchandising omnichannel, ou multi-canal, de sucesso.

Veja a seguir alguns pontos de atenção:

1. Escute seu cliente
Entender, estudar e analisar os propósitos e necessidades do consumidor é algo extremamente importante para qualquer empresa.
Aqui, torna-se necessário criar um ambiente que o cliente se sinta confortável para expressar suas opiniões e compartilhar sua experiência com os produtos e serviços.
Além disso, o cliente precisa saber que existe um canal aberto de comunicação entre ele e a empresa a qualquer momento e que feedbacks são mais do que bem-vindos.
Afinal, a intenção é tornar a experiência do consumidor cada vez mais agradável e satisfatória para que ele volte sempre e indique sua empresa para mais pessoas.

2. Analise a concorrência
A análise de concorrência nada mais é do que um estudo aprofundado sobre as ações praticadas pelos seus concorrentes. Desta forma você e sua equipe poderão identificar o que funciona ou não funciona na estratégia de outras empresas semelhantes.
Isso ajudará a prever e prevenir equívocos durante o seu planejamento e execução de tarefas.
Não se trata de copiar uma determinada ação de merchandising, mas de buscar inspiração, além de conseguir aprender com os erros de outros.

3. Tenha ajuda de empresas especializadas
Um merchandising de sucesso requer muita técnica, estudo, análise e qualidade na execução. 
É uma tarefa que dá muito trabalho, pois é necessário estar atento a todos os detalhes e agir para ajustar possíveis imprevistos no timing correto.
Por isso, pense e avalie a opção de contratar um profissional ou uma empresa especializada, que poderá auxiliar e direcionar sua equipa para atingir os objetivos esperados com maior rapidez e assertividade, em menor tempo e correndo menos riscos.

4. Colete e analise dados
Monitorar o desempenho das suas campanhas ações de marketing é fundamental para a constante evolução dos seus processos. Isso garante melhores resultados e inovações constantes.
Também previne que você insista em algo que não está gerando os resultados esperados, por não saber onde está o erro.
Além disso, a análise de dados permite previne o desperdício de verbas e detecta melhores oportunidades de investimento.

Solicite sua demonstração e conheça as funcionalidades das nossas soluções para o seu negócio!

Como a Gofind ajuda sua empresa a estruturar o merchandising

A Gofind vem ajudando grandes marcas e negócios locais a se destacarem no mercado, graças a nossa plataforma digital que coleta, gerencia e analisa dados da cadeia de suprimentos.

A nossa plataforma mapeia e mostra, em tempo real, a disponibilidade de produtos nos pontos de venda, permitindo que a empresa gerencie e planeje ações de marketing direcionadas e segmentadas por localização geográfica.

Com o Mapa Localizados de Produtos, o consumidor tem acesso a uma lista de produtos e estabelecimentos próximos à ele. Além de informações relevantes como preço, distância, imagens e descrição dos produtos.

Podendo traçar uma rota até a loja mais próxima, comprar online ou solicitar a entrega via aplicativos de delivery.

As marcas e empresas clientes da Gofind, têm acesso ao nosso portal do cliente que dá acesso a um analytics completo sobre a performance de produtos, pontos de vendas, dados demográficos, perfil do consumidor, demanda por região, dados de ruptura e insights para ações de marketing.

Conheça esta e outras soluções do nosso Localizador de Produtos!

Veja também o depoimento do gestor de marketing e trade da Caldo Bom sobre as nossas soluções:

“Com o mapa interativo Onde Encontrar temos uma ferramenta que atua ao longo de toda a cadeia de distribuição. De novas prospecções de mercado, percepção de share regional, negociações com os compradores, até a ponta no público-alvo que tem uma maior facilidade de encontrar nossos produtos. Convergimos os esforços de marketing para atuar na jornada de consumo do reconhecimento à decisão de compra através da parceria com a Gofind”

José Felipe, Gerente de Marketing e Trade – Caldo Bom Alimentos

Afinal, por que uma o merchandising é importante para as empresas?

Seja tradicional ou digital, uma boa estratégia de merchandising precisa considerar os dois ambientes para plenejar e executar uma campanha de sucesso. 

Além disso, é preciso conhecer e estudar constantemente o comportamento do consumidor moderno. Que não é mais impactado apenas pelas formas tradicionais de se fazer merchandising.

No seu ponto de venda físico é crucial adotar boas práticas para exibir e oferecer produtos, assim como na internet.

Em outras palavras, o merchandising de produtos também precisa ser omnichannel.

Principalmente por, hoje em dia, existir um ambiente onde o consumidor consegue pesquisar mais informações e ter acesso a avaliações de outros clientes antes de decidir pela compra. 

Conquistar a sua audiência com modernidade, inovação, criatividade e ainda entregar informações relevantes, são pontos que devem ser considerados na hora de escolher o melhor caminho para a estratégia do seu negócio.

Isso trará mais resultados e fará com que o seu investimento gere o retorno desejado!

 Gostou? Aproveite para ler nosso outro conteúdo voltado para potencializar suas estratégias de marketing: Omnichannel: o que é, conceito e como usar na sua empresa

>>> Leia mais conteúdos como este!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *